Dois pesos, duas medidas

Dois pesos, duas medidas

Uma das atribuições legais do síndico é conservar o patrimônio e a segurança da edificação e, consequentemente, de todos que a habitam. Isso envolve, entre outras coisas, planejar as manutenções e prevenir e tratar patologias. A tarefa não é fácil, mas a comparação com situações mais cotidianas é bem-vinda nas assembleias, palestras e cursos que tenho participado e ajuda síndicos na conscientização da importância do planejamento e do investimento.

Por exemplo, por mais que não exista norma que determine a periodicidade, lavamos nosso carro quando a sujeira nos incomoda. Atingida a quilometragem, trocamos o óleo sabendo que "fundir" o motor custa mais. Em condomínios, o universo muitas vezes entra em um "metaverso" e não se aprova reformas até mesmo emergenciais.

Quando mudei para onde moro, meu condomínio apresentava queda de pastilhas e mais de uma década sem manutenção. O primeiro passo foi fazer uma inspeção predial completa, onde foram levantadas outras patologias que ninguém, ou quase ninguém, imaginava. Embora o planejamento da obra tenha se embasado com Laudo, Memoriais Descritivo e Quantitativo e um complexo Plano de Obra, na assembleia de aprovação da contratação houve gritos, calúnias e muitos "assim eu não vou conseguir pagar". Mesmo assim, se aprovou rateio por apartamento de R$ 2.700 parcelados em trinta meses sem juros.

Antes mesmo do final da obra, o síndico não foi reeleito por "o condomínio estar muito caro". O rateio ainda não terminou, mas a obra sim, e a valorização supera dez vezes o valor investido. Isso sem contar segurança, conforto etc. Creio que não cabe o julgamento do valor para cada condômino, mas certamente mais da metade não dirige o mesmo carro de 2019. Os que dirigem, não lubrificam os motores com o mesmo óleo, não andam sobre os mesmos pneus.

Alguns condomínios procuram a inspeção predial apenas quando há aparente risco de perda de segurança, ou seja, calibram os pneus apenas quando acham que ele está furado. Outros apenas buscam a garantia junto à construtora, quando vai acabar o prazo dos cinco anos.

Esses abastecem o carro apenas quando está há tempo na reserva. Por fim, há condomínios que querem mensurar suas necessidades mais urgentes para ver quais obras precisam e podem fazer a médio, curto e longo prazo. Estes sempre andam com a família em um carro revisado, calibrado, abastecido e limpo.

Mário Filippe de Souza, graduado em Engenharia Civil pela Universidade Federal de Santa Catarina. Diretor Executivo da Econd Engenharia para
Condomínios.

  • Gostou do conteúdo? Indique a um amigo!
SELECT i.*, CASE WHEN i.modified = 0 THEN i.created ELSE i.modified END as lastChanged, c.name AS categoryname,c.id AS categoryid, c.alias AS categoryalias, c.params AS categoryparams, u.userName AS nomeColunista , u.image AS imgColunista , u.userID AS idColunista FROM #__k2_items as i RIGHT JOIN #__k2_categories c ON c.id = i.catid LEFT JOIN #__k2_users u ON u.userID = i.created_by WHERE i.published = 1 AND i.access IN(1,1,5) AND i.trash = 0 AND c.published = 1 AND c.trash = 0 AND ( i.publish_up = '0000-00-00 00:00:00' OR i.publish_up <= '2022-05-22 17:55:20' ) AND ( i.publish_down = '0000-00-00 00:00:00' OR i.publish_down >= '2022-05-22 17:55:20' ) AND i.catid=17 AND i.catid IN(17) OR i.id IN (SELECT itemID FROM #__k2_additional_categories WHERE catid IN(17 ) )  ORDER BY i.id DESC LIMIT 0 , 1
Acesse sua Administradora