A importância das saídas de emergência em condomínios

A importância das saídas de emergência em condomínios

Quando falamos em sistemas do PCI – Preventivo Contra Incêndio precisamos entender que as especificações técnicas devem ser indicadas e analisadas pelo Responsável Técnico do PPCI – Projeto Preventivo, pois existem inúmeras variáveis que podem alterar um ou outro sistema, incluir e até mesmo excluir algum dispositivo, tudo sempre com a análise e aprovação prévia do CBM – Corpo de Bombeiros.

Mas como o síndico pode (e deve) analisar situações corriqueiras, aparentemente inofensivas, mas que podem gerar um sinistro ou outro tipo de acidente?

De forma ampla, em condomínios o sistema das saídas de emergência engloba dispositivos relacionados a ocupação e classificação dos imóveis, como: tipo de ocupação e dimensionamento das saídas de emergência, escadaria, dutos de ventilação, rampas, corrimão, guarda-corpo, acessos, etc. Outros itens também são tratados neste sistema, e dizem respeito aos pontos que devem permanecer sob a vigilância do síndico, destacamos: portas corta-fogo, rota de fuga e descarga (saídas), entre outros.

Para entender melhor, é fundamental compreender a finalidade desse sistema que é basicamente, viabilizar de forma eficiente e eficaz a evacuação da edificação em caso de emergência, assim a colocação de tapetes, móveis, vasos de plantas e outros objetos nos corredores, antecâmara, escadarias e demais trajetos da rota de fuga, é algo inadmissível e que poderá colocar em risco os moradores, funcionários e visitantes.

Outro pronto importante para o qual o síndico precisa ficar atento, é com relação às manutenções dos sistemas, neste caso em especial, a manutenção e correta utilização das portas corta-fogo.

As portas corta-fogo, como o próprio nome já indica, tem como principais funções, impedir o acesso do fogo às escadarias e bloquear a propagação da fumaça, fazendo com que, ao entrar na escadaria, o usuário fique seguro em uma situação de incêndio, podendo fazer a evacuação do prédio de forma tranquila.

É fato que tanto os objetos na rota de fuga (em especial vasos, tapetes, móveis e outros objetos), assim como a permanência das portas corta-fogo abertas, põem em risco todo o sistema de segurança do condomínio, todo investimento aplicado e por consequência, a segurança das pessoas e do patrimônio delas, por isso é tão importante que sejam feitas as manutenções e vistorias adequadas, assim como o lançamento de campanhas de conscientização junto aos usuários, no sentido de estes entenderem a importância de cada dispositivo.

Néia Lehmkuhl é administradora, especialista pós-graduada em Gerenciamento de Projetos, pós-graduada em Gestão da Segurança Contra Incêndio e Pânico, pós-graduada em Gestão da Qualidade e gerente de Projetos na Portal Sul Energia.

  • Gostou do conteúdo? Indique a um amigo!
SELECT i.*, CASE WHEN i.modified = 0 THEN i.created ELSE i.modified END as lastChanged, c.name AS categoryname,c.id AS categoryid, c.alias AS categoryalias, c.params AS categoryparams, u.userName AS nomeColunista , u.image AS imgColunista , u.userID AS idColunista FROM #__k2_items as i RIGHT JOIN #__k2_categories c ON c.id = i.catid LEFT JOIN #__k2_users u ON u.userID = i.created_by WHERE i.published = 1 AND i.access IN(1,1,5) AND i.trash = 0 AND c.published = 1 AND c.trash = 0 AND ( i.publish_up = '0000-00-00 00:00:00' OR i.publish_up <= '2022-08-18 16:58:29' ) AND ( i.publish_down = '0000-00-00 00:00:00' OR i.publish_down >= '2022-08-18 16:58:29' ) AND i.catid=17 AND i.catid IN(17) OR i.id IN (SELECT itemID FROM #__k2_additional_categories WHERE catid IN(17 ) )  ORDER BY i.id DESC LIMIT 0 , 1
Acesse sua Administradora