O exercício do querer ver

O exercício do querer ver

Estamos na metade de um ano que não foi muito generoso conosco em muitos aspectos. Compartilho aquele sentimento de ter estendido a mão ao 2020, naquele típico cumprimento #TMJ e ter sido correspondido com um soco na cara. A densa névoa que se formou nos primeiros dias de “lockdown” aos poucos vai se dissipando e descortinando uma paisagem que contemplamos com estranhamento daquilo que estão chamando de um novo normal. E é para esse novo normal que devemos canalizar nossas forças na busca das oportunidades que apostávamos para 2020 e que por força do destino nos foram negadas.

Sei que muitos irão discordar desse meu posicionamento, dirão que a névoa ainda está densa e que nada se descortinou. É fato que o ser humano é avesso a mudanças e que costuma negar uma nova realidade na esperança de que a antiga ressurja. Mas os “deuses” do oportuno não costumam aguardar que nos acostumemos com o agora, e ao fenômeno de adaptar-se com habilidade ao momento dão o nome de oportunidade.

Há um ensinamento bíblico por traz disso, e não pense, caro leitor, que aqui eu tenho a intenção de catequizar, evangelizar ou convertê-lo para alguma crença ou religião, mas trago só a informação por tratar-se de um ensinamento milenar, o qual compôs a doutrina que edificou a religião influenciadora da cultura de toda a civilização ocidental. Quando Marcos na passagem do cego de Jericó narra o milagre da cura daquele judeu, a narrativa daquele evento tem o propósito de afirmar a necessidade dos judeus de abrirem os olhos para a nova doutrina de Jesus de Nazaré.

O que quero defender nestas linhas, após apresentar tais argumentos, é que muitos estão olhando para o lago que se formou após a tempestade, querendo enxergar o campo que lá existia. E não estão se dando conta de que há frutos para tirar do lago, que é o novo normal daquela paisagem. Concordo que não é fácil, que é preciso habilidade para desapegar da paisagem tradicional e enxergar um “shangrilá” no novo cenário. E é esse exercício que devemos fazer nesse momento. O exercício de querer ver oportunidades.

O universo condominial, como tudo, paralisou em 2020. E muitos recorreram a soluções tradicionais para novos problemas. O que é esperado em momentos de incerteza. Porém, conforme a névoa vá “decantando” e o novo normal vá se descortinando é preciso adaptar-se, como também buscar novas soluções à medida que vamos nos desapegando das soluções tradicionais. As assembleias “virtuais”, em relação às quais eu na verdade prefiro o termo “a distância”, são um exemplo dessa prática.

Neste primeiro momento estamos realizando essa modalidade com procedimentos nos mesmos moldes dos tradicionais, o que não é errado quando queremos segurança em momentos de incerteza. Porém, é preciso abrir os olhos para oportunidades e modalidades que as formas tradicionais não contemplavam ou possibilitavam. E conforme formos consolidando as novas soluções, desapegamos das tradicionais.

Espero que a mentalidade que estou buscando sustentar neste momento seja a mentalidade dos colegas de sindicatura, como também do universo condominial. Confesso que me esforço ao olhar para o lago buscando me alimentar do que lá dá para extrair, evitando me alimentar da insegurança de quando, não sei, ele volte a ser campo. Para isso exercito minha mente e sempre peço que eu veja.

Rogério de Freitas, graduado em Administração de Empresas, pós-graduado em Marketing e Gestão Empresarial, Síndico Profissional.

  • Gostou do conteúdo? Indique a um amigo!
Enquete

Para conter a pandemia do Covid-19 quais medidas estão sendo mais difíceis de serem adotadas no condomínio?

Controlar obras em unidades - 12.9%
Utilização de máscara por moradores - 26.4%
Informar condômino infectado - 7.9%
Aplicar as normas de silêncio - 15%
Controlar o uso de áreas comuns - 14.3%
Realização de assembleias - 20.7%
Locação de temporada - 2.9%
SELECT i.*, CASE WHEN i.modified = 0 THEN i.created ELSE i.modified END as lastChanged, c.name AS categoryname,c.id AS categoryid, c.alias AS categoryalias, c.params AS categoryparams, u.userName AS nomeColunista , u.image AS imgColunista , u.userID AS idColunista FROM #__k2_items as i RIGHT JOIN #__k2_categories c ON c.id = i.catid LEFT JOIN #__k2_users u ON u.userID = i.created_by WHERE i.published = 1 AND i.access IN(1,1,5) AND i.trash = 0 AND c.published = 1 AND c.trash = 0 AND ( i.publish_up = '0000-00-00 00:00:00' OR i.publish_up <= '2020-10-27 12:17:26' ) AND ( i.publish_down = '0000-00-00 00:00:00' OR i.publish_down >= '2020-10-27 12:17:26' ) AND i.catid=17 AND i.catid IN(17) OR i.id IN (SELECT itemID FROM #__k2_additional_categories WHERE catid IN(17 ) )  ORDER BY i.id DESC LIMIT 0 , 1
Acesse sua Administradora