Assessoria de advogados previne problemas judiciais

Na administração de um condomínio o síndico tem que lidar com muitas questões legais, e isso não diz respeito apenas às leis específicas para condomínios.
Assessoria de advogados previne problemas judiciais

 

Na administração de um condomínio o síndico tem que lidar com muitas questões legais, e isso não diz respeito apenas às leis específicas para condomínios. São questões trabalhistas, de inquilinato e contrato com empresas. Por mais que o gestor condominial busque se informar, o auxílio de uma assessoria jurídica pode evitar muitos problemas. Segundo o advogado Alberto Luíz Calgaro, o cargo de síndico confere grandes poderes e, por conseqüência, lhe impõe enormes responsabilidades. Por exemplo, se agir com excesso de poder ou deixar de cumprir uma obrigação legal, como o seguro obrigatório ou a prestação de contas anual, poderá ser processado e pagar indenização.

Se o gestor realizar alguma dessas infrações terá que chamar um advogado para defendê-lo, porém mais prudente é “consultá-lo antes de praticar atos que envolvam questões jurídicas, de modo que possa agir de forma mais correta e segura, e assim evitar surgimento de conflitos”, observa Calgaro. Se mesmo com uma assessoria for preciso solucionar alguma questão judicial “certamente a assistência prestada previamente dará mais elementos e maior chance de êxito na defesa dos interesses do condomínio”, ressalta.

Além disso, o serviço pode ser prestado no auxilio a aplicação de penalidades aos condôminos, como multas ou restrições ao inadimplente. Também é importante o gestor condominial consultar o advogado antes de celebrar contratos e regular convocação de assembléias que exigem quorum qualificado.

Geralmente a administração do edifício não contrata um profissional do Direito com o objetivo de economizar, para Calgaro essa atitude é um engano, pois “uma vez que os honorários e custas processuais costumam ser bem maiores do que os de contratados para consultoria prévia e/ou emissão de pareceres”, diz. Ele lembra que é primordial na hora de contratar, buscar um profissional ou escritório de advocacia que seja de extrema confiança e preferencialmente do ramo. “Certamente a especialização e a prática na área condominial confere maior segurança ao condomínio”, alerta.

 

  • Gostou do conteúdo? Indique a um amigo!




  • A-
  • A+
Enquete

Descreva como é a gestão no seu condomínio

Auto Gestão (Não tem auxilio de administradora/contabilidade) - 16.1%
Auto Gestão Assistida (Contrata serviços terceirizados de contabilidade) - 17%
Gestão com empresa administradora - 32.1%
Síndico Profissional (com administradora) - 27.7%
Síndico Profissional (sem administradora) - 5.4%
SELECT i.*, CASE WHEN i.modified = 0 THEN i.created ELSE i.modified END as lastChanged, c.name AS categoryname,c.id AS categoryid, c.alias AS categoryalias, c.params AS categoryparams, u.userName AS nomeColunista , u.image AS imgColunista , u.userID AS idColunista FROM #__k2_items as i RIGHT JOIN #__k2_categories c ON c.id = i.catid LEFT JOIN #__k2_users u ON u.userID = i.created_by WHERE i.published = 1 AND i.access IN(1,1,5) AND i.trash = 0 AND c.published = 1 AND c.trash = 0 AND ( i.publish_up = '0000-00-00 00:00:00' OR i.publish_up <= '2019-04-20 22:39:15' ) AND ( i.publish_down = '0000-00-00 00:00:00' OR i.publish_down >= '2019-04-20 22:39:15' ) AND i.catid=17 AND i.catid IN(17) OR i.id IN (SELECT itemID FROM #__k2_additional_categories WHERE catid IN(17 ) )  ORDER BY i.id DESC LIMIT 0 , 1
Acesse sua Administradora