Câmara aprova projeto que incentiva a instalação de telhados verdes e brancos em edificações

Câmara aprova projeto que incentiva a instalação de telhados verdes e brancos em edificações

A Câmara de Vereadores de Florianópolis aprovou no dia 1° de outubro, o projeto que permite a instalação de telhados verdes ou brancos em condomínios edificados.

A proposta, de autoria do vereador Renato da Farmácia (PR), tem como objetivo melhorar o microclima com a transformação de dióxido de carbono (CO2) em oxigênio (O2), pela fotossíntese e também refletir a luz solar. Cabe ao Executivo sancionar a proposição.

O projeto Telhado Verde utilizará vegetações nativas com função alimentar nutricional. A ideia é aplicar a solução ecológica sobre uma laje de concreto ou na cobertura das edificações. A proposição apresenta como segunda alternativa a implantação de telhados brancos, que refletem os raios solares. Está previsto também que o Poder Executivo possa realizar cursos, palestras e oficinas para a divulgação das técnicas para realização do projeto.

Telhado Verde
A lei prevê a aplicação de vegetação sobre uma laje de concreto ou na cobertura das edificações

Nos telhados verdes, a temperatura não fica superior a 25ºC, por outro lado, um telhado convencional pode chegar a 60ºC. Além de combater as ilhas de calor em espaços públicos, os telhados podem reter de 15% a 70% das águas pluviais, reduzindo os picos de enchentes. A Organização das Nações Unidas (ONU), aponta que o índice de área verde recomendado para cada ser humano é de 12 metros quadrados (m²) por habitantes.

O vereador reforça que a instalação desses recursos melhora as condições termoacústicas das edificações, tanto no inverno como verão. “Com o uso dessas coberturas vivas é possível melhorar as condições térmicas no interior dos prédios, sem recorrer a sistemas de climatização ou ar condicionados”, afirma Renato

  • Gostou do conteúdo? Indique a um amigo!




  • A-
  • A+
Enquete

Descreva como é a gestão no seu condomínio

Auto Gestão (Não tem auxilio de administradora/contabilidade) - 16.1%
Auto Gestão Assistida (Contrata serviços terceirizados de contabilidade) - 17%
Gestão com empresa administradora - 32.1%
Síndico Profissional (com administradora) - 27.7%
Síndico Profissional (sem administradora) - 5.4%
SELECT i.*, CASE WHEN i.modified = 0 THEN i.created ELSE i.modified END as lastChanged, c.name AS categoryname,c.id AS categoryid, c.alias AS categoryalias, c.params AS categoryparams, u.userName AS nomeColunista , u.image AS imgColunista , u.userID AS idColunista FROM #__k2_items as i RIGHT JOIN #__k2_categories c ON c.id = i.catid LEFT JOIN #__k2_users u ON u.userID = i.created_by WHERE i.published = 1 AND i.access IN(1,1,5) AND i.trash = 0 AND c.published = 1 AND c.trash = 0 AND ( i.publish_up = '0000-00-00 00:00:00' OR i.publish_up <= '2019-07-15 20:00:01' ) AND ( i.publish_down = '0000-00-00 00:00:00' OR i.publish_down >= '2019-07-15 20:00:01' ) AND i.catid=17 AND i.catid IN(17) OR i.id IN (SELECT itemID FROM #__k2_additional_categories WHERE catid IN(17 ) )  ORDER BY i.id DESC LIMIT 0 , 1
Acesse sua Administradora