Bandidos de uniforme: Cuidados para evitar assaltos em condomínios

Bandidos de uniforme: Cuidados para evitar assaltos em condomínios

 

Atenção redobrada, participação coletiva e uso de tecnologia são essenciais para evitar a ação de bandidos

No conto de fadas da chapeuzinho vermelho, o Lobo Mau, vilão da narrativa, se disfarça de vovozinha para conquistar a confiança da protagonista da história e tentar devorá-la. Em uma contemporâneidade repleta de lobos maus a rotina não é diferente, bandidos têm utilizado fardas e uniformes de empresas prestadoras de serviços para acessar condomínios residenciais e comerciais na tentativa de promover assaltos ou realizar furtos. Por isso todo cuidado é pouco. Administrações condominiais já adotam uma série de medidas que vão de cartilhas ao reforço tecnológico para aumentar a tranquilidade de moradores. O CORREIO conversou com especilistas para listar os principais cuidados que devem ser tomados na segurança de condomínios e evitar que lobos maus assustem sua vizinhança.

Com sete anos de expência em gestão condominial, o administrador Valdir Barbosa explica que com a insegurança crescente em escala nacional, condôminos e administradores devem ser atuantes, e o cuidado não pode estar restrito aos investimentos em sistemas tecnológicos. "É notável que a portaria é um ponto de máxima atenção. O porteiro do condomínio deve estar atento e não pode se deixar enganar pela farda, exigindo identificação funcional, checando a visita com o morador e até mesmo diretamente com a empresa", recomenda ele.


Morador
Além do porteiro, o morador deve assumir a responsabilidade de acompanhar o prestador de serviço a todo momento. "Há algum tempo o funcionário de uma empresa que estava executando um serviço no condomínio se aproveitou de um momento de distração e furtou itens de um morador", relata Barbosa. "Como tínhamos sistema de câmeras conseguimos identificar o culpado de imediato", completa.

Um outro aspecto destacado por ele é a conexão com a Polícia Militar. A administração deve estreitar os laços e uma das opções para isso é o projeto vigilância participativa, que oferece capacitação em segurança oferecida gratuitamente pela própria PM para porteiros e profissionais que atuam em condomínios.

"É notável que a portaria é um ponto de máxima atenção. O porteiro do condomínio deve estar atento e não pode se deixar enganar pela farda, exigindo identificação funcional, checando a visita com o morador e até mesmo diretamente com a empresa" - Valdir Barbosa, síndico

Olho nas fardas

A atenção com funcionários externos, segundo o capitão, sempre deverá ser redobrada, e alguns aspectos rotineiros podem melhorar bastante a sensação de segurança. "Para funcionários de empresas de energia e água sempre há um período exato do mês para medição. Se o funcionário aparece fora da data o porteiro deve suspeitar", ressalta. "Se é um serviço pontual, o morador deve informar à portaria antes e se responsabilizar pela presença do prestador. Se houver algum tipo de suspeita, é só ligar para o 190", conclui.

Identificação: Sempre peça crachá com documentos pessoais do prestador de serviço e se possível mantenha um cadastro na portaria. O profissional deve estar sempre identificado com farda.

Aviso: Os condôminos que contratarem serviços de telefonia, banda larga, tv por assinatura ou obras deve comunicar a visita do profissional com antecedência à administração para evitar riscos desnecessários.

Circulação: Se o condomínio não dispuser de acesso específico para funcionários e prestadores de serviço, o trânsito desses profisisonais deve ser restrito ao apartamento, evitando a circulação por áreas comuns. Caso necessário, o morador deve acompanhar o profissional.

Monitoramento: O sistema de videomonitoramento deve estar sempre ativado e contar com manutenção permanente, pois o material poderá ser usado na investigação de alguma ocorrência.

Delivery: Entregas É recomendado que o morador que solicitar o serviço deve se deslocar até a portaria no momento da entrega para evitar que o desconhecido transite sem acompanhamento pelo condomínio.

 

Matéria originalmente publicada em Correio24horas

 

  • Gostou do conteúdo? Indique a um amigo!




  • A-
  • A+
Enquete

Como é controlada a portaria do seu condomínio?

Portaria Remota - 13%
Portaria 24 Horas Orgânico - 26.7%
Portaria 24 Horas Terceirizada - 24.7%
Controle de Acesso - 16.4%
Não possuímos - 18.5%

Total votos: 146
A votação para esta enquete foi encerrada em: Junho 6, 2017
SELECT i.*, CASE WHEN i.modified = 0 THEN i.created ELSE i.modified END as lastChanged, c.name AS categoryname,c.id AS categoryid, c.alias AS categoryalias, c.params AS categoryparams, u.userName AS nomeColunista , u.image AS imgColunista , u.userID AS idColunista FROM #__k2_items as i RIGHT JOIN #__k2_categories c ON c.id = i.catid LEFT JOIN #__k2_users u ON u.userID = i.created_by WHERE i.published = 1 AND i.access IN(1,1,5) AND i.trash = 0 AND c.published = 1 AND c.trash = 0 AND ( i.publish_up = '0000-00-00 00:00:00' OR i.publish_up <= '2018-05-23 03:24:26' ) AND ( i.publish_down = '0000-00-00 00:00:00' OR i.publish_down >= '2018-05-23 03:24:26' ) AND i.catid=17 AND i.catid IN(17) OR i.id IN (SELECT itemID FROM #__k2_additional_categories WHERE catid IN(17 ) )  ORDER BY i.id DESC LIMIT 0 , 1
Acesse sua Administradora