Período chuvoso: animais peçonhentos invadem residências

Período chuvoso: animais peçonhentos invadem residências

Por conta das chuvas, cobras e aranhas saem do seu habitat em busca de abrigos secos

O período que compreende os meses de janeiro a abril caracteriza-se pelas fortes chuvas na Capital e, em consequência disso, os relatos de aparecimento de animais peçonhentos em residências aumentam. Por conta das águas, bichos como cobras, aranhas e escorpiões procuram abrigos secos para se alojarem. Assim, é importante que os moradores tomem cuidados para evitar sustos.

Morando há cinco anos em um condomínio próximo à beira do rio, Caroline Costa relata que, em seu apartamento, já apareceram, diversas vezes, aranhas e escorpião, além de já ter visto cobras no condomínio. “No condomínio, aparece quase sempre; na última vez, achei um escorpião no ralo do 1° andar”, conta.

Porém, o constante aparecimento de animais peçonhentos onde Caroline mora se deve também à localização do condomínio. “No fundo do nosso terreno, tem uma área de preservação ambiental e, com o período chuvoso, só tende a aumentar o aparecimento dos bichos”, diz Caroline.

Devido à esta situação, a moradora revela que toma certos cuidados para evitar o aparecimento desses animais em seu apartamento. “Eu sempre dedetizo tudo e mantenho as portas e janelas fechadas. Além de tomar cuidado com os calçados e com as roupas dentro do armário abafado”, finaliza.

Segundo Oriana Bezerra, gerente do Centro de Zoonoses de Teresina, os incidentes com animais peçonhentos ocorrem o ano todo, mas em época de chuva, é que eles saem em busca de locais secos. Ela explica que condomínios próximos a matas são os mais propensos ao aparecimento desses animais por conta do encharcamento causado na região.

“É questão de sobrevivência para eles. Quando chove muito, que encharca, eles procuram um local mais seco”, explica Oriana. Neste sentido, a especialista recomenda a capina do imóvel, caso se localize próximo à zona ambiental, de pelo menos dois metros entre o terreno do imóvel e o exterior.

 

Clique aqui e encontre empresas especializadas em dedetização

 

Apesar das chuvas constantes, Oriana afirma que o aparecimento de certos animais peçonhentos, como o escorpião, não tem relação com a chuva. Ela explica que, geralmente, esse tipo de animal se abriga em restos de materiais de construção e saem em busca de alimentos. “Mesmo com chuva, ele ainda vai estar protegido por pedras, telhas. O que vai fazê-lo aparecer é a procura por alimentos e não por causa da chuva. Ele gosta de se alimentar com baratas, então o que pode atrair escorpião é caixa de gordura aberta, onde se alojam baratas”, explica.

Zoonoses dá dicas de prevenção

A gerente do Centro de Zoonoses recomenda ainda que sejam mantidos limpos quintais, jardins e terrenos baldios, não acumulando entulho e lixo doméstico. Aparar a grama dos jardins e rebocar paredes também são passos importantes para evitar surpresas com animais peçonhentos. Além disso, sacudir roupas e olhar dentro de sapatos antes de calçar também são medidas de prevenção.

Outras medidas que podem custar ao bolso do morador, mas que fazem a diferença nesse período, é o nivelamento da fossa séptica. “É um custo que muitas pessoas consideram caro, mas que só é preciso ser feito uma vez e podem prevenir, e muito, o aparecimento de quaisquer animais peçonhentos”, esclarece. Além disso, aconselha-se nivelar também as portas e janelas e afastar os móveis da parede.

Em caso de aparecimento de animais peçonhentos em casa, Oriana Bezerra indica procurar o Centro de Zoonoses. “Deve-se procurar o Centro de Zoonoses, que iremos até o local. No controle de animais peçonhentos, nós não usamos inseticida porque os abrigos desses animais já os protegem”, conclui.

 

Matéria originalmente publicada em: Portal o Dia

  • Gostou do conteúdo? Indique a um amigo!




  • A-
  • A+
Enquete

Nos 17 anos do Jornal dos Condomínios, gostaríamos de saber: quem é você, usuário do portal?

SELECT i.*, CASE WHEN i.modified = 0 THEN i.created ELSE i.modified END as lastChanged, c.name AS categoryname,c.id AS categoryid, c.alias AS categoryalias, c.params AS categoryparams, u.userName AS nomeColunista , u.image AS imgColunista , u.userID AS idColunista FROM #__k2_items as i RIGHT JOIN #__k2_categories c ON c.id = i.catid LEFT JOIN #__k2_users u ON u.userID = i.created_by WHERE i.published = 1 AND i.access IN(1,1,5) AND i.trash = 0 AND c.published = 1 AND c.trash = 0 AND ( i.publish_up = '0000-00-00 00:00:00' OR i.publish_up <= '2018-07-23 13:44:43' ) AND ( i.publish_down = '0000-00-00 00:00:00' OR i.publish_down >= '2018-07-23 13:44:43' ) AND i.catid=17 AND i.catid IN(17) OR i.id IN (SELECT itemID FROM #__k2_additional_categories WHERE catid IN(17 ) )  ORDER BY i.id DESC LIMIT 0 , 1
Acesse sua Administradora