Veículos elétricos ganham espaço

Veículos elétricos ganham espaço

Condomínios já se preparam para receber os chamados modelos “verdes”

Os carros elétricos ainda não são muito populares no Brasil, mas alguns condomínios já estão preparados para receber os veículos não poluentes e incentivam seu uso com locais para abastecimento.

É o caso da Cidade Pedra Branca, um bairro do município de Palhoça, na Grande Florianópolis, conhecido pelo conceito urbano de sustentabilidade. Apostando no crescimento de modelos considerados “verdes”, o bairro já mantém em seu estacionamento rotativo, por exemplo, as melhores vagas para abrigar os veículos elétricos. 

Carroeletrico
Cidade Pedra Branca: 12 vagas de estacionamento e ponto de abastecimento para os veículos elétricos

“Nossa visão é de que essa tendência realmente vai acontecer e já está se tornando uma realidade. Portanto, o objetivo é estimular a prática pelo consumo consciente e também pela questão da sustentabilidade”, diz o diretor executivo do Pedra Branca, Marcelo Gomes. Ao todo, são 12 vagas distribuídas nos empreendimentos comerciais Atrium e Office Green, além de o bairro dispor de um posto movido a energia solar para abastecer os veículos.

Marcelo, que é proprietário de um carro elétrico, só tem elogios para o veículo e destaca várias vantagens. “Estou há um ano e meio circulando com uma BMW.i3, um modelo bem urbano, para uso na cidade. Não faz barulho, para escutar som é fantástico e tem um motor superforte”, diz o diretor que já rodou mais de 20 mil quilômetros com o veículo. De acordo com Marcelo,o carro tem autonomia de 120 quilômetros.

Para se ter uma ideia do custo-benefício, Marcelo diz que se o veículo percorrer 700 quilômetros o gasto em média com eletricidade chega a R$ 60. Além de carregar a bateria no posto de abastecimento da Cidade Pedra Branca, Marcelo também conta com outro ponto de recarga. Ele instalou na garagem do seu condomínio uma tomada direta ao seu medidor de energia elétrica. “Vamos dizer que a conta da ‘gasolina’ vai direto para o meu registro de luz”, brinca, ao afirmar que é um consumo pequeno diante de tantas vantagens proporcionadas pelo modelo. “Sou fã do carro e acredito que a única desvantagem é a autonomia”, completa.

Na sua avaliação, o mercado no Brasil vai apresentar um considerável crescimento depois de o Governo Federal aprovar lei que isenta de imposto os automóveis movidos a eletricidade. “Com preços mais acessíveis, com certeza será uma revolução”, avalia Marcelo, ao afirmar que o valor do veículo hoje está em torno de R$ 169 mil.

Adaptação

Outros condomínios em Florianópolis também estão se adaptando à nova tecnologia. Entre eles, o Condomínio Techno Towers, edifício comercial localizado na SC401, no bairro João Paulo. Segundo o síndico Ronaldo Rodriguez Alvez Junior, o prédio, de conceito inteligente, já foi projetado com tomadas para abastecimento nas vagas de garagem. Composto de cinco blocos, o primeiro deles – de sete andares – já foi entregue.

Ronaldo também administra o Condomínio Santorini na Avenida Beira-Mar, um empreendimento formado por onze andares, sendo um apartamento por andar. Apesar de o projeto não planejar local adequado para recarga de bateria, uma moradora – que adquiriu um carro elétrico há três anos – solicitou permissão ao condomínio para instalar uma tomada na garagem do edifício. O pedido foi aceito, desde que o consumo de energia fosse de sua responsabilidade.

IMPOSTO ZERO

O Governo Federal zerou o Imposto de Importação para automóveis movidos unicamente a eletricidade ou hidrogênio, que tinham alíquota de 35%. A resolução foi publicada em outubro de 2015 pela Câmara de Comércio Exterior (Camex) no Diário Oficial da União. De acordo com a Camex, a decisão foi tomada após amplo debate sobre o tema e a medida busca inserir o Brasil em novas rotas tecnológicas, disponibilizando ao consumidor veículos com alta eficiência energética, baixo consumo de combustíveis e reduzida emissão de poluentes.

Os carros “verdes” emitem pouquíssimos ou nenhum poluente na atmosfera, em comparação com os movidos a gasolina ou diesel, mas o preço alto de aquisição é ainda a maior barreira para a popularização.

Exemplos internacionais mostram que é possível mudar esse quadro, com a isenção total de impostos. No Brasil, o Projeto de Lei n.415/2012, do senador Eduardo Amorim (PSC-SE), que propõe a isenção de impostos como o IPI para tais carros, está tramitando na Câmara desde 2012.
(Fonte: G1 e Revista Exame)

  • Gostou do conteúdo? Indique a um amigo!




  • A-
  • A+
Enquete

Como é controlada a portaria do seu condomínio?

Portaria Remota - 13%
Portaria 24 Horas Orgânico - 26.7%
Portaria 24 Horas Terceirizada - 24.7%
Controle de Acesso - 16.4%
Não possuímos - 18.5%

Total votos: 146
A votação para esta enquete foi encerrada em: Junho 6, 2017
SELECT i.*, CASE WHEN i.modified = 0 THEN i.created ELSE i.modified END as lastChanged, c.name AS categoryname,c.id AS categoryid, c.alias AS categoryalias, c.params AS categoryparams, u.userName AS nomeColunista , u.image AS imgColunista , u.userID AS idColunista FROM #__k2_items as i RIGHT JOIN #__k2_categories c ON c.id = i.catid LEFT JOIN #__k2_users u ON u.userID = i.created_by WHERE i.published = 1 AND i.access IN(1,1,5) AND i.trash = 0 AND c.published = 1 AND c.trash = 0 AND ( i.publish_up = '0000-00-00 00:00:00' OR i.publish_up <= '2017-11-21 11:40:44' ) AND ( i.publish_down = '0000-00-00 00:00:00' OR i.publish_down >= '2017-11-21 11:40:44' ) AND i.catid=17 AND i.catid IN(17) OR i.id IN (SELECT itemID FROM #__k2_additional_categories WHERE catid IN(17 ) )  ORDER BY i.id DESC LIMIT 0 , 1
Acesse sua Administradora