Alimentação saudável para aguentar o pique de ser síndico

Nutricionista dá dicas sobre refeições balanceadas para garantir energia e disposição
Síndica do Residencial Patrícia, Neusa Ehlers, procura manter uma alimentação saudável Síndica do Residencial Patrícia, Neusa Ehlers, procura manter uma alimentação saudável

Vida de síndico normalmente é atribulada. Aliado a todos os cuidados que um condomínio precisa, muitos têm uma carreira profissional dinâmica e estudam. Na falta de tempo, é comum ocorrer de a alimentação correta ficar de lado. Um contrassenso, já que está no que consumimos a energia para dar conta do recado.

É comum na pressa as pessoas optarem por comidas ricas em gorduras e açúcares, que no final geram cansaço, desconforto (como a constipação intestinal) devido à difícil digestão. Além disso, não têm todos os nutrientes que o corpo precisa. Por outro lado, uma refeição leve e balanceada contribui para o bom funcionamento do metabolismo e ajuda, inclusive, na concentração.


De acordo com a especialista em nutrição clínica Maria do Carmo de Lima Martins, uma alimentação variada regularmente é que fornece os nutrientes necessários para o bom funcionamento do organismo e não um alimento isoladamente. Prestar a atenção no que se ingere faz toda a diferença, há alimentos chamados funcionais, que produzem efeitos benéficos à saúde. Maria do Carmo cita os ovos como fonte de acetilcolina, vitaminas do complexo B, que fazem bem para a memória. O peixe é fonte de Omega 3 e fósforo, também contribui para o bom funcionamento do cérebro. As frutas roxas e vermelhas (ameixa, amora, framboesa e morango) e as cítricas, além do chá verde, dos brócolis e repolho contêm antioxidantes que combatem os radicais livres e previnem doenças cardiovasculares e o câncer.

Se alimentar nos horários corretos também é importante para a saúde. Segundo a nutricionista, o desjejum, o almoço e o jantar são essenciais. O corpo precisa da energia que provém dos carboidratos, como cereais (pães, aveia, arroz e macarrão) e tubérculos (aipim, batatas e inhame). Também necessita das proteínas encontradas nas carnes em geral, castanhas e feijões, além das vitaminas e minerais das frutas, verduras e hortaliças. “É importante comer bem e com qualidade durante o dia e comer menos no jantar, pois à noite a tendência é ficarmos mais em repouso, e justamente é a refeição em que muitas pessoas comem demais”, salienta. 

Os lanchinhos intermediários são importantes principalmente para evitar exageros nas principais refeições. Uma dica de Maria do Carmo é carregar na bolsa frutas in natura higienizadas ou dessecadas. Outra opção é levar um mix de frutas secas e castanhas ou até mesmo barra de cereal. “A alimentação é nosso combustível, pois nos alimentos que o organismo retira a energia para que desempenhe suas funções vitais. A falta de comida nos deixa apáticos, cansados e sem energia, e o pior, a fome estará aumentada à noite se não comermos regularmente durante o dia”, observa. A nutricionista também acrescenta que a “atividade física regular e prazerosa também é necessária para nossa saúde geral, prevenindo doenças e estresse”.


Síndica aposta na dieta equilibrada
A síndica do Residencial Patrícia, Neusa Ehlers, procura manter uma alimentação saudável. Aos 63 anos, ela garante que esse cuidado é que lhe traz disposição para tocar todas as responsabilidades do condomínio localizado no bairro Estreito, em Florianópolis, o qual administra há cinco anos. Além de fazer as principais refeições no horário correto, o segredo de Neusa é não ficar muito tempo sem comer: intercala frutas, iogurtes no meio da tarde e da manhã.


“Vida de síndico é uma correria. Tem sempre uma coisa aqui e ali para fazer. Ainda cuido da casa e da família e faço tortas para fora. Uma alimentação equilibrada deixa a gente mais saudável e mais disposta para fazer nossos serviços”, conta a síndica, que também gosta de correr na Beira-Mar Continental.

Neusa tem um cuidado especial com a alimentação, desde a hora em que acorda. Faz seu pão integral, tem à mesa queijo branco e leite desnatado. No almoço, procura equilibrar carboidrato, proteína e verdura, em um prato bem colorido. À tarde, toma um iogurte ou come uma barra de cereal. Opta por uma jantar leve por volta das 19h30. E, se tiver fome, mais tarde, come uma fruta.

Quando precisa ficar um bom tempo longe de casa, dona Neusa sempre carrega na bolsa barrinhas de cereais bem saudáveis e sem conservante, que ela mesma prepara. “Faço uma receita que rende umas 40 barrinhas. Como não vai ovos, aguentam uns dois meses na geladeira. Pode variar bastante os sabores, fazer com nozes, damasco, coco, ameixa seca ou frutas cristalizadas”, diz ela, que passou a receita para os síndicos que quiserem experimentar, fazerem também em casa .

Receita de barrinhas de cereais
- 2 xícaras de aveia em flocos média
-1 xícara de chia, amaranto e quinua (tudo junto)
-½ xícara de farelo de aveia
-½ xícara de farelo de trigo
-½ xícara de castanha do Pará
-½ xícara de uvas passas
-1 xícara de açúcar demerara ou mascavo
-1 xícara de farinho de trigo
-1 pitada de sal
-½ xícara de óleo de canola ou girassol
-½ xícara de linhaça escura ou clara
-1 xícara de água


Como fazer
- Bata no liquidificador a linhaça o óleo e a água até formar um creme (tipo maionese)
- Numa bacia, junte ingrediente secos e misture. Depois junte o creme. Misture bem.
- Se ficar muito dura, junte um pouco de água.
- Untar e polvilhar uma forma de 24 x 36. Com as costas da colher, alisar bem a massa.
- Cortar com uma faca do tamanho que deseja as barrinhas.
- Assar por aproximadamente 20 minutos. Se estiver muito mole, deixe mais.
- Deixe esfriar e separe as barrinhas.

(Matéria originalmente publicada em 20/07/2015)

 

SERVIÇOS:

• Clique aqui e encontre Síndicos Profissionais

• Clique aqui e encontre Sistemas Online de Gestão para Síndicos

Conheça nossa coluna O Síndico no Divã

  • Gostou do conteúdo? Indique a um amigo!




  • A-
  • A+
Enquete

Nos 17 anos do Jornal dos Condomínios, gostaríamos de saber: quem é você, leitor do portal?

SELECT i.*, CASE WHEN i.modified = 0 THEN i.created ELSE i.modified END as lastChanged, c.name AS categoryname,c.id AS categoryid, c.alias AS categoryalias, c.params AS categoryparams, u.userName AS nomeColunista , u.image AS imgColunista , u.userID AS idColunista FROM #__k2_items as i RIGHT JOIN #__k2_categories c ON c.id = i.catid LEFT JOIN #__k2_users u ON u.userID = i.created_by WHERE i.published = 1 AND i.access IN(1,1,5) AND i.trash = 0 AND c.published = 1 AND c.trash = 0 AND ( i.publish_up = '0000-00-00 00:00:00' OR i.publish_up <= '2018-06-19 16:17:20' ) AND ( i.publish_down = '0000-00-00 00:00:00' OR i.publish_down >= '2018-06-19 16:17:20' ) AND i.catid=17 AND i.catid IN(17) OR i.id IN (SELECT itemID FROM #__k2_additional_categories WHERE catid IN(17 ) )  ORDER BY i.id DESC LIMIT 0 , 1
Acesse sua Administradora