Praias lotadas e garagens disputadas

Praias lotadas e garagens disputadas

 

Com o número de veículos cada vez maior, encontrar um local para estacionar tem sido um desafio em muitas cidades. Nos condomínios, com a chegada do verão, a questão se agrava principalmente para os edifícios localizados no litoral, como Balneário Camboriú, onde o fluxo de pessoas aumenta e todos procuram um local seguro para deixar o carro. Diante desta realidade, conciliar os problemas relacionados às vagas de garagens tem sido uma das dores de cabeça para os síndicos, que precisam encontrar soluções para estes problemas. Administrador de condomínios em Balneário Camboriú, Jean Jaques Bacca Lenzi explica que não há muito que possa ser feito para agradar a todos já que cada prédio foi desenvolvendo durante os anos sua própria forma de tratar o assunto, dependendo de como foi incorporado. “O que costumamos fazer é, nas convenções que elaboramos, colocar algumas regras para essas ocupações, como por exemplo, não utilizar garagens de terceiros sem aprovação por escrito do proprietário e não estacionar em áreas de manobra”, explica o profissional.

Visitantes

Para os casos de visitantes, Jean recomenda que, caso haja vaga disponível no condomínio o síndico dê autorização ao zelador para emprestar o espaço por tempo determinado. “Caso não haja vagas disponíveis, o proprietário da unidade terá de ceder a sua vaga ou indicar ao visitante onde estacionar, fora do prédio”, orienta Lenzi. No caso dos prédios antigos, com número reduzido de garagens Jean relata que, na maioria desses casos, as vagas são rotativas e quem chegar primeiro tem o direito de utilizar. E além da falta de espaço, o gestor relata que os síndicos precisam lidar constantemente com casos de proprietários que insistem em utilizar vagas de terceiros sem autorização e deixar seus carros em vagas rotativas, de forma permanente. “Cada caso é um caso, cada edifício tem sua realidade e cada síndico procura resolver o problema da melhor forma possível, porém, se não houver entendimento, só resta aplicar as sanções previstas na Convenção ou no Regulamento Interno, inclusive multas”, lembra o especialista.

Autorização

Síndico do Edifício Piemonte em Balneário Camboriú, Algi Hansen Mattos relata que o prédio conta somente com garagens privativas, e quando não há proprietários ocupando estas vagas, seja por ausência ou porque vem só uma vez por ano, obtém-se uma autorização escrita ou até mesmo verbal para utilizar o espaço. Segundo o síndico, em certos casos o próprio interessado solicita ao proprietário. “Quando o prédio está completamente lotado, temos um estacionamento em frente ao condomínio que indicamos às pessoas que necessitem. Como é difícil haver uma conciliação, orientamos sempre que possível que as pessoas venham apenas com um carro. Além disso, contamos com a compreensão de todos, pois quem vem passar férias de verão na cidade deve estar consciente que Balneário Camboriú está cada vez mais com um maior número de veículos e menos vagas de estacionamento”, destaca Algi. Síndico do Condomínio Las Vegas, Rafael Weiss relata alguns problemas relacionados ao assunto e que como gestor procura resolver mantendo o diálogo com os envolvidos. “Infelizmente há pessoas, geralmente locatários de temporada, que não colaboram com as regras do condomínio. Nesses casos precisa haver um diálogo mais incisivo, porém respeitoso”, descreve Weiss. Segundo o síndico, os casos mais corriqueiros são os motoristas que estacionam os veículos em vagas que não lhes pertence e quando o dono da vaga aparece é preciso administrar a situação. “Não chegamos ainda ao ponto de aplicar multas ou sansões, tentamos sempre resolver da melhor maneira possível”, esclarece. Rafael relata que cada apartamento tem somente uma vaga de garagem, portanto para os visitantes a orientação é a de que primeiramente busquem estacionamentos fora do edifício. Se for um proprietário precisando de uma vaga de garagem extra, há formas de se resolver o problema conversando com moradores que não possuem carro. “Algumas pessoas se conhecem e emprestam suas garagens. Como síndico, não vejo problema nisso, mas o condomínio é rígido no cumprimento das regras e cada apartamento tem sua vaga fixa. Portanto, quem vier com mais carros, deve buscar um estacionamento fora do condomínio ou negociar um empréstimo ou aluguel com algum proprietário”, relata o síndico. Para facilitar o controle dos veículos, Rafael conta que todos os veículos estão registrados na portaria e possuem um adesivo de identificação fixado no para-brisa. “Esta é forma do porteiro deixar subir apenas veículos que são autorizados no prédio, diminuindo assim a entrada de veículos não identificados”, explica o síndico.

Mais vagas

Para os condomínios que têm recursos para investir e as estruturas permitam, existem soluções que possibilitam duplicar o número de vagas com estruturas denominadas duplicadores modulados articulados, que são instalados verticalmente. Segundo Eliel Coninck, representante do setor comercial da empresa Alto Vale, por ser compacto o equipamento pode ser instalado em casas, prédios ou estacionamentos, porém em cada local é avaliado um conjunto de informações técnicas, em função de áreas de manobras. “A altura do pé direito, o piso inferior, a energia elétrica, todos estes itens serão analisados por um técnico da fábrica para verificar a melhor forma de aplicação da solução”, explica o profissional. Robusto e seguro, o equipamento custa cerca de R$ 11 mil se for comprado direto na fábrica, sem incluir o valor do frete, da instalação e da manutenção preventiva que deverá ser estudada em conjunto com o cliente.

  • Gostou do conteúdo? Indique a um amigo!




  • A-
  • A+
Enquete

Descreva como é a gestão no seu condomínio

Auto Gestão (Não tem auxilio de administradora/contabilidade) - 16.1%
Auto Gestão Assistida (Contrata serviços terceirizados de contabilidade) - 17%
Gestão com empresa administradora - 32.1%
Síndico Profissional (com administradora) - 27.7%
Síndico Profissional (sem administradora) - 5.4%
SELECT i.*, CASE WHEN i.modified = 0 THEN i.created ELSE i.modified END as lastChanged, c.name AS categoryname,c.id AS categoryid, c.alias AS categoryalias, c.params AS categoryparams, u.userName AS nomeColunista , u.image AS imgColunista , u.userID AS idColunista FROM #__k2_items as i RIGHT JOIN #__k2_categories c ON c.id = i.catid LEFT JOIN #__k2_users u ON u.userID = i.created_by WHERE i.published = 1 AND i.access IN(1,1,5) AND i.trash = 0 AND c.published = 1 AND c.trash = 0 AND ( i.publish_up = '0000-00-00 00:00:00' OR i.publish_up <= '2019-04-20 22:24:13' ) AND ( i.publish_down = '0000-00-00 00:00:00' OR i.publish_down >= '2019-04-20 22:24:13' ) AND i.catid=17 AND i.catid IN(17) OR i.id IN (SELECT itemID FROM #__k2_additional_categories WHERE catid IN(17 ) )  ORDER BY i.id DESC LIMIT 0 , 1
Acesse sua Administradora